A importância da música no processo de ensino-aprendizagem

A importância da música no processo de ensino-aprendizagem


Você sabia que a música é muito importante para as crianças, principalmente durante o período de ensino-aprendizagem?

Crianças que fazem aulas de música durante o processo de ensino-aprendizagem conseguem desenvolver sentidos e habilidades muito mais cedo do que o habitual.

Isso porque a música é reconhecida por muitos pesquisadores como uma espécie de modalidade que desenvolve a mente humana, promove o equilíbrio, proporcionando um estado agradável de bem-estar, facilitando a concentração e o desenvolvimento do raciocínio da criança.

Segundo um estudo realizado por cientistas alemães, crianças que aprendem a analisar tons musicais durante o ensino-aprendizagem, podem apresentar uma área do cérebro 25% maior, quando comparado com outras pessoas da mesma idade que não desenvolveram tais habilidades.

Além disso, crianças que desenvolvem trabalhos com músicas e instrumentos musicais apresentam um melhor desempenho na escola, apresentando melhores notas quanto à aptidão escolar.

Já não é de hoje que as pessoas passaram a valorizar o contato da criança com o mundo da música. Uma prova disso é que Platão já dizia que “a música é um instrumento educacional mais potente do que qualquer outro”.

A visão apresentada por Platão muitos e muitos anos atrás, é muito bem recebida pelas pessoas hoje em dia, principalmente para os pais que desejam introduzir os filhos no mundo da música de alguma forma.

Se você ainda está em busca de motivos para apresentar a música para os seus filhos e dos benefícios que esse tipo de comportamento oferece para a criança, temos algumas dicas que poderão te ajudar nesta decisão.

A música no processo de ensino-aprendizagem desenvolve a disciplina

Assim como os esportes, as artes marciais e a dança, a música tem um papel extremamente importante para o desenvolvimento de uma criança.

Para se ter êxito neste tipo de atividade, o seu filho precisará seguir normas e regras, assim como praticar muito para aprender as notas e o tempo de cada uma delas.

Tudo isso ajuda a aflorar o comprometimento e a obediência, o que desenvolve um forte senso de disciplina em todos que praticam a música.

Uma criança que desenvolve a disciplina cedo dificilmente apresentará problemas para seguir as regras da sociedade futuramente.

Melhor a coordenação motora

Cada um dos instrumentos musicais necessita de diferentes movimentos para que eles sejam tocados.

Isso quer dizer que todos eles trabalham com diversas partes do corpo, seja dedos, mãos, braços e até mesmo pernas.

Todos esses movimentos acabam fortalecendo e desenvolvendo o corpo das crianças, auxiliando na coordenação motora delas.

Além da coordenação dos movimentos corporais, o cérebro da criança também necessita ler as notas trabalhadas, transformando-as em ritmo e respiração, o que também apresenta sinais claros de um bom desenvolvimento cerebral.

Aumenta a responsabilidade

Quando a criança começa a usar um instrumento musical, ela aprender a ter responsabilidade sobre aquele objeto, já que ele não pode ser tratado ou transportado de qualquer forma.

Todos os instrumentos possuem maneiras certas de serem tratados e higienizados para que continuem funcionando da maneira correta.

Além de tudo isso, a criança sempre precisará se ater a todos esses detalhes, aumentando a sua responsabilidade com o decorrer do tempo.

Essa cautela adotada pelas crianças quando precisam tratar um instrumento também pode ser usada em outras áreas da vida, como escola, brincadeiras e até mesmo com outras crianças de sua idade.

Desenvolve a habilidade de trabalhar em equipe

Seja em bandas, orquestras ou apenas nas aulas, o coletivo vai acabar se fazendo presente na vida de uma criança que vive no mundo da música.

Quando uma criança começa a participar de equipes de musicais, ele aprende a respeitar o ritmo de todos os outros que estão tocando junto dele, além de acompanhar toda a melodia e desenvolver o companheirismo em sala.

Tudo isso fará com que o músico mirim cresça enquanto profissional e até mesmo como ser humano.

Durante a infância, todos esses momentos irão ser responsáveis por desenvolver as habilidades sociais da criança.

Usar a música no ensino-aprendizagem ajuda a aprimorar o português e a matemática

Acredite ou não, mas o contato da criança com a música também ajuda a aprimorar os seus conhecimentos em português e matemática.

Quando a criança “lê uma partitura”, ela precisa usar a interpretação e a compreensão de texto, o que faz com que ela aprimore essas áreas da língua portuguesa.

Ao saber interpretar as partituras, a criança consegue visualizar e traduzir instantaneamente em movimentos como posição de dedos ou movimentar das mãos.

Ao mesmo tempo o raciocínio lógico e matemático em entender a partitura, fazer contagens de ritmos e aprender ritmos pode ajudar a desenvolver amplamente o campo matemático de uma criança.

Mas afinal, existe uma idade certa para a criança entrar no mundo da música?

Muitos pais têm dúvida de qual a idade correta para introduzir a música na vida de seus filhos, principalmente quando ainda são pequenos.

Seria loucura se te falássemos que os processos de ensino-aprendizagem da música podem começar quando a criança ainda está na barriga de sua mãe? Pois é, isso é possível e muito saudável!

O estimulo sonoro durante o desenvolvimento fetal pode contribuir para o desenvolvimento cognitivo da criança, além de refletir em algumas habilidades futuras.

Após o nascimento da criança, ela já pode ser apresentada a canções de acalento, brinquedos musicais que sejam adequados para sua idade e até mesmo estimulações musicais de vários tipos.

Acontece que os primeiros anos de vida de uma criança são cruciais para o seu desenvolvimento e o contato com a música e seus instrumentos é um dos principais responsáveis por isso.

Segundo estudos feitos pela Universidade de Concórdia, no Canadá, crianças que aprendem a tocar instrumentos antes dos sete anos têm conexões neurais na idade adulta diferente daquelas que começam seus estudos musicais mais tarde.

Como foi possível analisar no post, a música pode ser essencial para conduzir a vida de uma criança em diversas áreas e situações que ela precisara passar com o tempo.

Portanto, se você está cogitando colocar seu filho em aulas de canto ou de algum instrumento musical durante o ensino-aprendizagem, não espere mais, pois quanto antes a criança começar a desenvolver suas habilidades com a música, mais cedo ela será beneficiada.

+ Sem comentários

Adicionar