3º Festival Internacional Roland de Acordeon



Grupo Roland › News › Gaúcho, pernambucano e catarinense…: “Gaúcho, pernambucano e catarinense disputam título de melhor acordeonista do País

07/08/2009

Carlos Alberto Ceccagno Vivan, Giordano Mahatma Rosendo da Costa e Orimar Hess Júnior são os finalistas da etapa brasileira do 3º Festival Internacional Roland de Acordeon

Foram definidos os nomes dos três finalistas da etapa brasileira do 3º Festival Internacional Roland de Acordeon. O gaúcho Carlos Alberto Ceccagno Vivan, o pernambucano Giordano Mahatma Rosendo da Costa e o catarinense Orimar Hess Júnior superaram os outros concorrentes e garantiram lugar na disputa de melhor acordeonista do País, que ocorre no dia 1º de setembro, no Teatro Vivo, em São Paulo.

Natural de Nova Prata, no interior do Rio Grande do Sul, Vivan é acordeonista há mais de uma década. Mesmo sendo um jovem de apenas 18 anos, costuma realizar apresentações surpreendentes, tanto que conquistou títulos importantes, como de melhor gaiteiro do Rodeio Internacional de Vacaria e do Encontro de Artes e Tradição Gaúcha (ENART). Atualmente, aprimora a técnica com o mestre Oscar dos Reis.

Outro jovem finalista é Mahatma. Com apenas 26 anos, sendo oito de aprendizado, o acordeonista possui currículo de músico veterano. Entre os diversos trabalhos realizados pelo pernambucano, estão acompanhamentos musicais com diversos artistas do estado, além de participação no Concurso Internacional de Acordeonistas, realizado na cidade de Jaú, em São Paulo. Atualmente, integra a Orquestra Sanfônica do Recife com regência do Mestre Camarão.

O mais experiente dos três finalistas é Hess. Com apenas quatro anos, o catarinense iniciou o aprendizado do instrumento e, aos 18, começou a tocar profissionalmente em estúdios, além de acompanhar bandas dos mais variados estilos. Entre as diversas apresentações que realizou em sua carreira, destaca-se a do 3º Concordeon (Concerto Internacional de Acordeon), realizado na cidade de Joinville, em 2004, em que foi considerado a revelação do evento. O catarinense também participou da etapa brasileira do 2º Festival Internacional Roland de Acordeon e terminou com o vice-campeonato.”

Categorias

+ Sem comentários

Adicionar